09/01/2010

Memórias futebolísticas (e esportivas)

Tenho muitas memórias relacionadas ao futebol. Não falo exatamente de lembrar de jogos que vi, ou que fui. Lembro de fatos da minha vida que aconteceram em dias de determinados jogos. Posso não lembrar exatamente a data, mas sei que jogo de futebol aconteceu nesse dia.

Lembro do dia em que minhas tia se mudou, e voltou a morar aqui do lado. Foi em 1996. Dia em que Atlético PR e Palmeiras jogavam pelo campeonato brasileiro. O Palmeiras era o último time invicto do campeonato brasileiro, e foi enfrentar o Atlético PR que tinha Paulo Rink e Oséias no ataque, e fazia uma boa campanha. E enquanto os móveis eram descarregados na casa da minha tia, o Atlético PR fazia 2x0 e ganhava. O Palmeiras perdeu seu primeiro jogo.

No dia em que eu fui aprovado no teste de seleção do meu colégio. Foi o mesmo dia em que o São Paulo ganhou do Barcelona e foi campeão mundial. Nesse mesmo dia eu tomei sorvete no Alaska e ganhei um campo de futebol de botão de presente.

No dia do meu aniversário? O São Paulo ganhou de 5x0 do Cruzeiro no mineirão, com 5 gols do Dodô. Em outro ano, Grêmio e Fluminense empatar em 4x4. Com gol olímpico do Petkovic e o empate do Grêmio no final. A Suécia ganhou da Bulgária por 4x0 na decisão do terceiro lugar da copa de 94.

E lembro de outros eventos esportivos assim. Passei mal no dia do GP da Inglaterra de 2003, que o Rubinho Barrichello ganhou. O dia da prova do ENEM de 2004, foi o dia em que aconteceu o GP da Bélgica, e foi também o último dia das Olímpiadas. O Brasil ganhou o ouro no vôlei.

E o Brasil ganhou da Colômbia por 1x0, gol do Roque Júnior no último minuto pelas Eliminatórias da Copa, em 2001. Eu estava fazendo um trabalho na casa de um amigo meu esse dia. Acho que o futebol pauta minha vida.

Nenhum comentário: